Profissional Ana Rita Pinto terapeuta em ansiedade especialista em terapia cognitivo comportamental, terapia de casal

Ana Rita Pinto

OPP: 018792
Distrito do Porto
40
/ 50 minutos
Aderir ao Plano

Exerço Psicologia porque é esta a minha paixão. É realmente maravilhoso ver a mudança a acontecer estando deste lado como facilitadora do processo. A intervenção é feita com base em pressupostos científicos. Tudo é escutado com empatia, sigilo, confidencialidade e profissionalismo.

Ler mais
Por favor aguarde...
Perfil Artigos
Experiência
  • Ansiedade
  • Ataques de Pânico
  • Auto Estima
  • Depressão
  • Relacionamento
  • Sexualidade
Especialidades
  • Terapia cognitivo comportamental
  • Terapia de casal
Formação
  • Mestre em Psicologia - Universidade Lusíada Porto 2013
  • Curso de Avaliação Cognitiva da Criança e do Adolescente - Instituto CRIAP 2014
  • Curso Intensivo em Intervenção com Famílias Multiproblemáticas - CRIAP 2015
  • Curso de Formação em Intervenção Sistémica e Familiar -Sociedade Portuguesa de Terapia Familiar 2015
  • Curso Riscos Psicossociais - Ordem dos Psicólogos Portugueses 2015
  • Curso de Formação em Temáticas de Advocacia Social - Rede Inducar 2015
  • Formação EMDR nível I - GO4 Consulting 2016
  • Curso Avançado Psicologia da Arte - Instituto CRIAP 2016
  • Dupla Pós-Graduação em Terapia de Casal e Sexologia Clínica - INSPSIC 2017
  • Formação em Intervenção Psicológica em Situações de Catástrofe - Ordem Psicólogos Portugueses 2017
Descrição Pessoal

Comecei a apaixonar-me pela psicologia a meio de outro curso na universidade. Nessa altura percebi que é natural mudar de ideias, dar outro rumo ás nossas vidas e que não precisamos de seguir uma espécie de percurso predestinado. A maior prisão está muitas vezes dentro das nossas mentes, é aí que impomos limites para o que realmente somos capazes de fazer. Mas como alterar então os nossos padrões de pensamentos e as nossas crenças limitantes? Precisamos de primeiro nos conhecer melhor. Só através de uma maior autoconsciência podemos mudar. Cada pessoa tem o seu tempo e cada processo psicoterapêutico é ajustado individualmente. Como seres humanos, todos passamos por períodos mais difíceis, ficamos mais cansados, mais frágeis e com menos capacidade de ver outras perspetivas. Perceber que isso pode acontecer torna-nos conscientes e mais preparados para intervir. Por isso os psicólogos trabalham com todas as pessoas e a psicologia é para todos. Todos nós temos uma história para contar. A minha formação começou por ser focada numa abordagem cognitivo-comportamental, que considero bastante útil e eficaz, no entanto ao longo da prática e das diversas formações fui adotando uma postura mais eclética. O meu percurso profissional tem sido pautado por uma procura constante de formação e de novas perspetivas, abordagens e ferramentas eficazes para melhor poder auxiliar as pessoas que me procuram.

Artigos

Por favor aguarde...